Tratamento para paralisia de Bell

publicidade

O tratamento para a paralisia de Bell consiste na toma de medicamentos e fisioterapia por tempo indeterminado.

Tratamento medicamentoso para paralisia de Bell

O tratamento medicamentoso da paralisia de Bell inclui o uso de corticosteróides e antivirais, como o Aciclovir, e fisioterapia, por exemplo.

Melhores resultados são observados quando a toma dos medicamentos é iniciada até o 4º dia do surgimento da paralisia, mas não dispensa a prática da fisioterapia.

Fisioterapia para paralisia de Bell

Nas sessões de fisioterapia o indivíduo deverá realizar exercícios com os músculos faciais como por exemplo franzir a testa, mandar um beijo, sorrir mostrando o maior número de dentes possível e fechar os olhos com força.

Estes exercícios são importantes para fortalecer a musculatura facial e melhorar o aporte sanguíneo do nervo que gerou a paralisia.

Se a paralisia impede o fechamento de um dos olhos, é preciso passar uma pomada diretamente no olho antes de dormir para protegê-lo evitando o ressecamento extremo, e durante o dia é importanteo uso de um colírio.

Alimentação na paralisia de Bell

Quando a boca está acometida, a alimentação deve ser normal. Forçar a mastigação é importante para evitar que os músculos envolvidos na mastigação fiquem severamente comprometidos.

Fazer massagens estimulantes e com o intuito de quebrar as contraturas musculares podem ser feitas para complementar o tratamento. Esta massagem deve ser feita pelo fisioterapeuta e/ou fonoaudiólogo.

Paralisia de Bell tem cura?

Nem todos os indivíduos acometidos pela paralisia de Bell irão ficar curados da doença, e os que ficarão curados, devem alcançar a cura em aproximadamente 2 meses de tratamentos diários.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade