Timoma

publicidade

O timoma é um tumor no timo, que é uma glândula localizada por detrás do osso do peito, que se desenvolve lentamente e que, normalmente, é benigno não se espalhando para outros órgãos.

Geralmente, o timoma é frequente em pacientes com mais de 50 anos e com doenças autoimunes, especialmente Miastenia grave, Lúpus ou Artrite reumatóide, por exemplo, podendo ser divido em 6 tipos:

  • Tipo A: normalmente tem boas chances de cura, sendo que, quando não é possível tratar, o paciente ainda pode viver mais de 15 anos após o diagnóstico;
  • Tipo AB: tal como o timoma tipo A existe boas chances de cura;
  • Tipo B1: a taxa de sobrevivência é superior a 20 anos após o diagnóstico;
  • ​Tipo B2: cerca de metade dos pacientes vive mais de 20 anos após o diagnóstico do problema;
  • ​Tipo B3: quase metade dos pacientes sobrevive 20 anos;
  • Tipo C: é o tipo maligno de timoma e a maioria dos pacientes vivem entre 5 a 10 anos.

O timoma pode ser diagnosticado quando o paciente faz um raio X do tórax devido a outro problema e, por isso, o médico pode pedir novos exames, como tomografia computadorizada ou ressonância magnética para avaliar o tumor e iniciar o tratamento adequado.

Tratamento para timoma

O tratamento para timoma deve ser orientado por um oncologista, mas normalmente é feito com cirurgia para retirar o máximo de tumor possível antes que se desenvolvam metástases para outros órgãos.

Já nos casos mais graves, em que existem metástases, o médico pode ainda recomendar fazer quimioterapia ou radioterapia para tentar atrasar o desenvolvimento do câncer em outros órgãos. Porém nestes casos as chances de curas são menores e os pacientes vivem cerca de 10 anos após o diagnostico.

Após o tratamento para timoma, o paciente deve ir pelo menos 1 vez por ano ao oncologista para fazer uma tomografia computadorizada, despistando o surgimento de um novo tumor.

Estágios do timoma

Os estágios do timoma estão divididos de acordo com os órgãos afetados e, por isso, incluem:

  • Timoma estágio 1: está localizado apenas no timo e no tecido que o cobre;
  • Timoma estágio 2: o tumor se espalhou para a gordura junto do timo ou para a pleura;
  • Timoma estágio 3: afeta os vasos sanguíneos e órgãos mais próximos do timo, como os pulmões;
  • Timoma estágio 4: o tumor se espalhou para órgãos mais afastados do timo, como o revestimento do coração.

Quanto mais avançado é o estágio do timoma, mais difícil é fazer o tratamento e alcançar a cura, por isso é recomendado que pacientes com doenças autoimunes façam exames frequentes para despistar o surgimento de tumores.

Sintomas do timoma

Os principais sintomas do timoma são tosse persistente, dor no peito e dificuldade para respirar, porém outros sintomas incluem:

  • Fraqueza constante;
  • Inchaço do rosto ou braços;
  • Dificuldade para engolir;
  • Visão dupla.

Os sintomas do timoma são raros, sendo mais frequentes nos casos de timoma maligno, devido ao tumor se espalahar para outros órgãos.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade