Sintomas de úlcera no estômago

O principal sintoma de úlcera no estômago é a dor na "boca do estômago", que se localiza cerca de 3 a 4 dedos acima do umbigo. Em geral, a dor aparece entre as refeições ou à noite, sendo de difícil controle mesmo com medicamentos que melhoram a digestão.

A úlcera é uma ferida no estômago, que dói e agrava quando o suco gástrico entra em contato com o ferimento, pois esse líquido é ácido e provoca mais irritação e inflamação no local afetado. A principal causa de úlceras gástricas é a presença da bactéria Helicobacter pylori no estômago, mas esse problema também pode aparecer devido ao estresse ou má alimentação.

Assim, para identificar a presença de úlceras gástricas deve-se estar atento aos seguintes sintomas:

  • Sensação de estômago cheio;
  • Náuseas e vômitos;
  • Dor e queimação no meio abdômen;
  • Fezes muito escuras ou avermelhadas.
Sintomas de úlcera no estômago

A presença de fezes ou vômitos avermelhados indicam sangramento no intestino, sendo necessário procurar o médico para identificar a localização e causa do problema. As úlceras normalmente são causadas por gastrite crônica, veja os sintomas dela aqui.

Diagnóstico de úlcera do estômago

Como nenhum sintoma pode ser conclusivo apenas por si, é necessário um exame para o diagnóstico da úlcera. Assim sendo, a endoscopia é importante tanto para o diagnóstico como para determinar o tratamento, e também para o prognóstico da doença.

O médico deverá ter em consideração fatores de risco, como a idade do paciente, a ingestão de medicamentos e a infecção com a Helicobacter Pylori.

Tratamento para Úlcera

O tratamento para a úlcera é feito com medicamentos como Omeprazol ou Ranitidina, que inibem a secreção ácida do estômago. Ele dura, em média, de 4 a 8 semanas, dependendo do tamanho da úlcera e da sua localização.

Em úlceras infectadas com a bactéria Helicobater Pylory, é associado à terapia um grupo de antibióticos combinados conjugados de acordo com indicação médica e que podem ser Claritromicina, Amoxicilina, Imidazol, Tetraciclina e/ou Bismuto.

Mais sobre este assunto: