Sintomas de Esteatose Hepática

publicidade

Os principais sintomas de esteatose hepática, que é o acúmulo de gordura no fígado, são o desconforto abdominal e o mal-estar geral, especialmente em indivíduos alcoólatras com mais de 60 anos de idade. No entanto, outras causas da doença incluem a diabetes tipo 2, a obesidade, o colesterol alto e fatores genéticos.

Geralmente, os sintomas de fígado gordo podem surgir quando a gordura no fígado ultrapassa os 10%, caracterizando a esteatose hepática de grau 1 ou leve, que raramente apresenta sintomas e que não causa danos no organismo, desde que a sua causa seja evitada.

Já os sintomas de esteatose hepática de grau 2, ou moderada, assim como os do grau 3, acontecem mais frequentemente e incluem:

  • Cansaço excessivo;
  • Desconforto abdominal do lado direito;
  • Mal-estar geral;
  • Dor de cabeça;
  • Náuseas, vômitos e diarreia.

Estes sinais e sintomas surgem quando a causa do problema não é evitada, provocando uma situação acentuada com grande acúmulo de gordura e inflamação das células hepáticas.

É comum que os pacientes com esteatose hepática não tenham conhecimento do seu problema de saúde, não só porque os sintomas são raros, mas porque, quando acontecem, normalmente, não são associados a problemas no fígado.

Assim, o diagnóstico de esteatose hepática é muitas vezes feito pelo clínico geral, após um exame de sangue de rotina ou exame físico com palpação do abdômen.

Tratamento para esteatose hepática

O tratamento para esteatose hepática deve ser feito evitando a sua causa e, por isso, no caso dos alcoólatras, o tratamento é iniciado com a diminuição da ingestão de álcool.

Além disso, durante o tratamento para esteatose hepática também é importante:

  • Fazer exercício físico regularmente
  • Ter uma alimentação equilibrada e pobre em gordura ou açúcar;
  • Aumentar a ingestão de legumes, carne magra e fruta;
  • Manter os níveis de colesterol controlados.

Quando o tratamento não é feito de forma adequada e o indivíduo mantém a causa da doença, o excesso de gordura no fígado pode aumentar e provocar lesões graves nas células hepáticas, resultando em cirrose.

Saiba mais sobre como deve ser a Dieta para gordura no fígado.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 20/10/2014 Última atualização da página: 13/06/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.