Remédios para depressão

publicidade

Os remédios para a depressão não curam a doença, porém ajudam a diminuir os sintomas da depressão como tristeza, perda de energia, ansiedade ou tentativas de suicídio nos indivíduos. Os remédios para depressão devem ser indicados pelo médico psiquiatra de acordo com as características do paciente e sintomas da doença.

Alguns nomes de remédios para depressão são:

  • Fluoxetina;
  • Sertralina;
  • Citalopram;
  • Amitriptilina;
  • Nortriptilina;
  • Trazodona;
  • Bupropiona.

Estes remédios atuam no sistema nervoso central, aumentando a excitação cerebral e a circulação sanguínea, o que estimula mais o cérebro e diminui os sintomas nos indivíduos deprimidos.

Alguns efeitos colaterais dos remédios para depressão são sonolência excessiva, nervosismo, perda de apetite sexual, problemas de visão, taquicardia, tonturas ou dores de cabeça.

Os remédios para depressão engordam, porque alteram o metabolismo do organismo e levam ao acúmulo de gordura, porém em alguns indivíduos os remédios podem fazer perder peso.

O uso de remédios para depressão na gravidez deve ser evitado, pois podem provocar problemas no desenvolvimento do bebê, podendo ser substituídos por outro tipo de tratamento como psicoterapia. Porém, nos casos graves da doença, o psiquiatra pode indicar alguns remédios que não causem tanto perigo de saúde para o bebê ou para a mulher.

Remédios homeopáticos para depressão

Os remédios homeopáticos para depressão ajudam a melhorar os sintomas da doença e tratam dos problemas que possam causar depressão aos indivíduos e não substituem os medicamentos receitados pelos médicos. Alguns remédios para depressão são:

  • Ignatia amara: indicado no tratamento da depressão provocada por dor crônica;
  • Pulsatilla: pessoas com depressão bipolar, que possuem variações repentinas de humor;
  • Natrum murlatlcum: indicado nos casos em que a depressão é provocada por baixa auto-estima.

Os remédios homeopáticos demoram mais a ter efeito no tratamento da depressão, porém possuem menos efeitos colaterais que os medicamentos. O uso destes remédios deve ser indicado por um profissional de saúde após avaliação psicológica dos pacientes.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 29/07/2014 Última atualização da página: 22/04/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.