Remédio para HPV

publicidade

Existem diversos remédios contra o HPV que podem ser indicados para o tratamento no homem e na mulher. O médico ginecologista ou urologista poderão indicar o tratamento que deve ser feito em casa e no consultório médico.

Remédios para HPV utilizados no consultório

Os remédios para HPV que podem ser aplicados pelo médico no consultório são:

  • Ácido tricloroacético (ATA) a 70 e a 90%:  atua destruindo as verrugas genitais, ou
  • Podofilina a 15% em solução alcoólica: que causa uma irritação local, sendo indicada para pequenas lesões.

O medicamento eleito deve ser aplicado 1 vez por semana no consultório médico.

Remédios para HPV utilizados em casa

Os remédios para HPV que podem ser utilizados em casa são:

  • Podofilotoxina a 0.15%: deve ser aplicada 2 vezes ao dia, por 4 dias consecutivos. Necessitando, então, de uma pausa de 4 dias, onde poderá reiniciar o tratamento.
  • Imiquimod a 5% associada ao ácido tricloroacético: deve ser aplicada nas verrugas genitais ao deitar, 3 vezes por semana, por até 4 meses. Devendo-se lavar a área tratada após 6 a 10 horas.

O médico poderá escrever num papel qual o remédio mais indicado e como utiliza-lo corretamente. 

Remédio caseiro para HPV

Um excelente remédio caseiro para HPV é aumentar as defesas naturais do organismo. Por isso, recomenda-se:

  • Aumentar o consumo de frutas cítricas;
  • Ingerir, no mínimo, 2 frutas diferentes por dia;
  • Nas principais refeições, sempre incluir saladas e legumes, variando-os todos os dias;
  • Evitar as carnes, especialmente as vermelhas;
  • Praticar atividade física regularmente;
  • Beber bastante água e sucos de frutas;
  • Evitar comidas cheias de gorduras, na cor bege, e as bebidas alcoólicas;
  • Parar de fumar.

Ao adotar estas medidas, o organismo ficará mais forte e poderá combater o vírus do HPV mais rapidamente, mas isto não exclui a necessidade do uso dos medicamentos receitados pelo médico.

O tratamento para o HPV é demorado e, por vezes, dispendioso. O não tratamento pode levar ao agravamento das lesões, aumentar as chances de contágio da doença e, em alguns casos, pode levar ao câncer. Estima-se que, com o tratamento correto, a cura do HPV possa ser alcançada em cerca de 2 anos.

Referência Bibliográfica

Secretaria da Saúde. Programa Municipal de DST/Aids. Diretrizes para o diagnóstico e tratamento do HPV na rede municipal especializada em DST/Aids – SMS-SP. Acesso em Jan. 2012.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 29/08/2014 Última atualização da página: 09/12/2013
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.