Leucograma

O leucograma é uma parte do exame de sangue que consiste em avaliar os leucócitos, células de defesa do organismo, também chamadas de glóbulos brancos. Este exame indica o número de neutrófilos, bastões ou segmentados, linfócitos, monócitos, eosinófilos e basófilos presentes no sangue.

Quando os valores dos leucócitos estão aumentados, cientificamente isto chama-se leucocitose e, pode ser causada por uma infecção e até uma leucemia e, quando os leucócitos estão diminuídos, chama-se leucopenia, que pode ser causada pelo uso de medicamentos ou quimioterapia, por exemplo, e cada uma destas situações necessita de um tratamento específico. Leia mais em: Leucócitos.

Valores de referência do leucograma

Os valores de referência do leucograma dependem da faixa etária do individuo:

Valores normais no 1º dia de vida:

  • Leucócitos totais: 9.000 a 30.000/mm3
  • Neutrófilos: 6.000 a 26.000/mm3
  • Linfócitos: 2.000 a 11.000/mm3

Valores normais dos 6 meses a 2 anos de idade:

  • Leucócitos totais: 6.000 a 17. 500/mm3
  • Neutrófilos: 1.500 a 8.500/mm3
  • Linfócitos: 3.000 a 9.500/mm3

Valores normais dos ​​2 a 3 anos de idade:

  • Leucócitos totais: 5.500 a 15.500/mm3
  • Neutrófilos: 1.500 a 8.500/mm3
  • Linfócitos: 2.000 a 8.000/mm3

Valores normais dos 3 a 6 anos de idade:

  • Leucócitos totais: 5.000 a 14.500/mm3
  • Neutrófilos: 1.500 a 8.000/mm3
  • Linfócitos: 1.500 a 7.000/mm3

Valores normais dos 6 a 13 anos de idade:

  • Leucócitos totais: 5.000 a 13.000mm3
  • Neutrófilos: 1.800 a 8000/mm3
  • Linfócitos: 1.200 a 6.000/mm3

Valores normais para adultos:

  • Leucócitos totais: 4.500 a 11.000/mm3
  • Neutrófilos: 1.800 a 7.700/mm3
  • Linfócitos: 1.000 a 4.800/mm3

A leucopenia ocorre quando em adultos, os leucócitos são inferiores a 4.500/mm3, estando o valor baixo e, a leucocitose, ocorre quando leucócitos são superiores a 11.000/mm3, estando o seu valor mais alto do que a referência. 

Para que serve o leucograma

O leucograma serve para identificar como os leucócitos, que são as células de defesa do organismo, estão defendendo o organismo para evitar doenças.

Para saber os valores dos leucócitos é preciso fazer um exame de sangue, onde é feito uma pequena picada no braço e retirado um pouco de sangue que será analisado num laboratório. Geralmente, para fazer este exame é necessário jejum de pelo menos 4 horas. Leia mais em: Exame de sangue.

Existem tipos de leucócitos diferentes e cada um deles exerce uma função específica, sendo eles:

Tipos de LeucócitosFunções
Neutrófilos

são células sanguíneas mais abundantes em relação ao sistema de defesa, sendo responsável pelo combate a bactérias e, quando os valores de neutrófilos estão altos, isto pode indicar uma infecção bacteriana.

Os bastões são os neutrófilos jovens, que são que foram lançados no sangue para combater uma infecção aguda e, os neutrófilos segmentados são os neutrófilos maduros.

Linfócitosos linfócitos combatem vírus, tumores e produzem anticorpos. Quando aumentados, podem indicar uma infecção viral, HIV, leucemia ou rejeição de um órgão transplantado, por exemplo.
Monócitossão células de defesa responsáveis for fagocitar micro-organismos invasores, sendo também chamados de macrófagos. Atuam contra vírus e bactérias, sem distinção.
Eosinófilossão células de defesa que são ativadas em caso de alergia ou caso o indivíduo tenha algum parasita.
Basófilossão as células de defesa que são ativadas em caso de inflamação crônica ou alergia prolongada e, em um indivíduo normal, só é encontrado até 1%.

É importante que seja o médico a correlacionar o resultado do leucograma com a história clínica do indivíduo, para chegar ao diagnóstico da doença e adequar o tratamento, caso necessário.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE