Insuficiência Respiratória

PUBLICIDADE

A insuficiência respiratória é a incapacidade de conseguir respirar sozinho, impossibilitando as trocas gasosas normais e causando o surgimento de sintomas como intensa falta de ar e cor azulada nos dedos ou rosto.

Existe dois tipos principais de insuficiência respiratória que incluem:

  • Insuficiência respiratória aguda: surge repentinamente devido a obstrução das vias respiratórias, acidentes de trânsito, abuso de drogas ou AVC, por exemplo;
  • Insuficiência respiratória crônica: surge ao longo do tempo devido a outras doenças crônicas como insuficiência cardíaca ou DPOC, impedindo a realização de atividades diárias, como subir escadas, sem sentir falta de ar.

A insuficiência respiratória tem cura quando o tratamento é iniciado imediatamente no hospital e, por isso, é importante ir ao pronto-socorro quando surgem sinais de falta ar. Além, nos pacientes crônicos, a insuficiência respiratória pode ser evitada com o tratamento da doença.

Tratamento para insuficiência respiratória

O tratamento para a insuficiência respiratória aguda deve ser feito o mais rápido possível no hospital por um pneumologista e, por isso, é importante ir imediatamente ao pronto-socorro ou chamar uma ambulância, ligando para o 192, sempre que surgem sinais de dificuldade para respirar.

Normalmente, para fazer o tratamento da insuficiência respiratória é preciso receber remédios broncodilatadores diretamente na veia, como Carbocisteína ou Acebrofilina, e receber oxigênio por máscara.

No entanto, nos casos de insuficiência respiratória crônica, o tratamento deve ser feito diariamente com remédios para tratar o problema de base, que pode ser insuficiência cardíaca por exemplo, e evitar o surgimento de sintomas, como falta de ar intensa, que coloquem em perigo a vida do paciente.

Veja outras opções de tratamento dos casos crônicos em: Tratamento para insuficiência respiratória.

Sintomas da insuficiência respiratória

Os sinais e sintomas da insuficiência respiratória dependem do tipo de insuficiência e incluem:

Insuficiência respiratória aguda

  • Dificuldade intensa para respirar;
  • Rosto, unhas e pele arroxeada;
  • Confusão mental;
  • Irritabilidade/sonolência.

Insuficiência respiratória crônica

  • Falta de ar ao caminhar ou subir escadas, por exemplo;
  • Cansaço excessivo;
  • Aumento da frequência respiratória;
  • Aumento da frequência cardíaca;

Os sintomas da insuficiência respiratória crônica podem ser controlados e aliviados com a medicação, no entanto, eles podem alterar para sintomas de insuficiência respiratória aguda caso o tratamento não seja feito de forma adequada e, nesses casos, é recomendado ir imediatamente ao hospital para iniciar o tratamento adequado.

Veja uma forma natural de aliviar os sintomas da insuficiência respiratória crônica em: Remédio caseiro para falta de ar.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE