Hemorragia estomacal

PUBLICIDADE

A hemorragia estomacal é um tipo de hemorragia digestiva alta caracterizada pela perda de sangue devido a uma ferida no estômago. Ela pode levar à anemia, dependendo da quantidade de sangue perdido. Seu principal sintoma é a coloração mais escura nas fezes e geralemente seu tratamento é feito com a toma de medicamentos anti-ulcerosos.

Sintomas da hemorragia estomacal

O principal sintoma de uma hemorragia no trato digestivo é a presença de sangue nas fezes, cientificamente chamado de melena, que é caracterizado por fezes muito escuras e mal cheirosas.

Pode ocorrer ainda intensa dor de estômago.

Como diagnosticar a hemorragia estomacal

Para diagnosticar a hemorragia estomacal é necessário a realização de uma endoscopia digestiva que permita visualizar a região interna do esôfago e estômago.

Assim é possível analisar a presença de úlceras em suas paredes. Um outro exame capaz de detectar a doença é a colonoscopia, onde uma microcâmera é introduzida no ânus e permite visualizar o trato digestivo.

As úlceras são formadas pelo excesso de ácido gástrico produzido no estômago do indivíduo, que acaba por lesionar suas paredes. Uma má alimentação e sistema nervoso alterado podem faciliatar o aparecimento da úlcera. O estresse faz com que seja produzido uma maior quantidade de ácido gástrico.

Tratamento para hemorragia estomacal

O tratamento para as hemorragias estomacais é a utilização de medicamentos para o estômago e nos casos de anemia severa, transfusões sanguíneas.

Caso a hemorragia estomacal seja provocada por um traumatismo direto na região, como ocorre num acidente de carro, por exemplo, pode ser necessário uma cirurgia.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE