Flutter atrial e fibrilação

publicidade

O flutter atrial assim como a fibrilação podem ser definidos como sendo padrões de descarga elétrica tão rápidas no coração que os batimentos cardíacos ficam menos eficientes e o bombeamento de sangue acontece em quantidades insuficientes o que resulta em queda da pressão arterial.

Como o coração não esvazia completamente no decorrer do tempo, o sangue que permanece no interior do coração pode estagnar e coagular formando êmbolos que podem bloquear uma artéria de menor calibre podendo  provocar um acidente vascular cerebral.

A causa do flutter atrial ou da fibrilação pode ser um problema subjacente, como a cardiopatia reumática, doença arterial coronariana, hipertensão arterial, consumo abusivo de álcool ou o hipertireoidismo, embora possa ocorrer sem que haja qualquer outro sinal de cardiopatia.

Esses ritmos anormais podem ser esporádicos ou persistentes. Os sintomas podem ser fraqueza, desmaio e dificuldade respiratória, insuficiência cardíaca, dores torácicas e choque.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade