Efeitos colaterais da pílula do dia seguinte

publicidade

A pílula do dia seguinte serve para impedir uma gravidez indesejada, mas ela possui alguns efeitos colaterais, tais como:

  • Provocar um pequeno sangramento de cor escura;
  • Desregular a menstruação por cerca de 3 meses, atrasando ou adiantando a menstruação;
  • Dor de cabeça;
  • Enjoo;
  • Vômito;
  • Dor nos seios.

Esses efeitos colaterais podem permanecer por alguns dias ou até mesmo meses e ocorrem devido à sobrecarga hormonal que acontece no organismo da mulher ao ingerir o medicamento, que pode ser encontrado nas farmácias com o nome de Diad ou Pilem.

A pílula do dia seguinte pode falhar

A pílula do dia seguinte é cerca de 98% segura. No entanto, ela pode falhar, se não for tomada em até 72 horas, ou seja, 3 dias após a relação, ou caso a mulher já tenha a tenha tomado outras vezes.

Para garantir a plena eficácia da pílula do dia seguinte, recomenda-se tomar o comprimido, que é de dose única, logo após a relação. Mas ela só deve ser utilizada em caso de emergência e não como método contraceptivo, pois abusar deste remédio pode gerar complicações, como câncer de mama, câncer de útero, problemas numa futura gravidez e aumenta ainda o risco de trombose e de embolia pulmonar.

Links úteis:

Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última data de atualização do site: 21/04/2014 Última data de atualização da página: 14/02/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.