Diverticulite

publicidade

A diverticulite aguda é uma inflamação dos divertículos, que são pequenas pregas que surgem nas paredes do intestino, especialmente na última porção do cólon.

Os divertículos, geralmente, surgem em adultos com mais de 40 anos de idade devido a uma dieta pobre em fibras e não causam sintomas. A diverticulite ocorre quando os divertículos inflamam, podendo originar sintomas como dor no abdômen, especialmente na parte inferior do lado esquerdo, náuseas, vômitos, febre, prisão de ventre ou diarreia.

O tratamento da diverticulite pode ser feito com antibióticos e analgésicos prescritos pelo gastroenterologista para tratar a inflamação. Porém, depois de tratar a inflamação, os divertículos continuarão no intestino, sendo muito importante o indivíduo fazer uma dieta rica em fibras para regular o intestino e prevenir uma nova diverticulite.

Desta forma, a diverticulite só tem cura quando o indivíduo faz uma cirurgia para retirada de uma ou várias porções do intestino, que só está indicada nos casos mais graves.

A diverticulite é grave quando o tratamento não é feito e surgem complicações, como abcesso, fístulas, diverticulite perfurada, que é quando os divertículos se rompem, podendo dar origem a uma peritonite, que é a inflamação da cavidade interna do abdômen, ou infecção geral do organismo, que pode levar à morte.

Tratamento para diverticulite

O tratamento para diverticulite pode ser feito em casa com a ingestão de antibióticos e analgésicos, como o Paracetamol, por exemplo, prescritos pelo gastroenterologista, durante cerca de 10 dias.

Nos primeiros 3 dias, o paciente deve ter uma dieta líquida e só depois ir adicionando gradualmente alimentos sólidos, para não aumentar a pressão dentro do intestino, de acordo com a orientação de um nutricionista. À medida que a inflamação dos divertículos e os sintomas vão diminuindo, o paciente deve ir introduzindo nas suas refeições diárias alimentos ricos em fibras, como frutas e vegetais frescos ou cereais integrais, por exemplo, de forma a evitar que os divertículos inflamem novamente.

Saiba o que pode e o que não pode comer na diverticulite em: Dieta para diverticulite.

Cirurgia para diverticulite

A cirurgia para diverticulite está indicada nos casos mais graves, em que surgiram complicações, como perfuração, abcesso ou obstrução intestinal, por exemplo, e consiste em remover os locais do intestino que estão infectados e unir os que estão saudáveis.

Nos casos mais graves, em que o intestino está bastante inflamado, poderá ser necessário retirar uma parte do intestino e criar uma bolsa, chamada de ostomia, que fica sobre a barriga e que recebe as fezes.

Sintomas de diverticulite

Os sintomas de diverticulite incluem:

  • Dor abdominal, especialmente na parte inferior do lado esquerdo, que pode ser constante e persistir durante vários dias;
  • Períodos de diarreia ou de prisão de ventre;
  • Seõnsibilidade no lado esquerdo do abdômen;
  • Enjo e vômitos;
  • Febre e calafrios.

Estes sintomas de diverticulite surgem quando os divertículos inflamam, por isso, na presença destes sintomas, o indivíduo deve ir o mais rapidamente possível ao pronto-socorro.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 21/09/2014 Última atualização da página: 24/08/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.