Dieta para refluxo gastroesofágico

publicidade

A dieta para refluxo gastroesofágico é útil para evitar o retorno dos alimentos do estômago para o esôfago evitando a inflamação e dor no esôfago.

Na dieta para evitar refluxo gastroesofágico é importante diminuir o consumo de:

  • carnes gordurosas e embutidos,
  • chocolate,
  • bebidas alcoólicas,
  • café e bebidas com cafeína como coca-cola e chá verde.

Estes alimentos têm que ser evitados na dieta alimentar para refluxo gastroesofágico porque aumentam o ácido no estômago e a probabilidade de refluxo. Outros alimentos devem ser evitados para não agravarem a inflamação quando o esôfago já se encontra inflamando como sucos cítricos, tomate e refrigerantes. Alguns alimentos podem também causar perfurações quando o esófago se encontra muito inflamado e por isso se deve evitar alimentos crocantes como batatas fritas e biscoitos.

Além destes cuidados alimentares é também importante:

  • evitar refeições muito volumosas e ricas em gordura,
  • não comer 3 a 4 horas antes de se deitar,
  • evitar o fumo,
  • permanecer de pé e não fazer exercícios logo após as refeições,
  • evitar roupas apertadas, especialmente após uma refeição,
  • evitar medicamentos anticolinérgicos como artane, akineton, bentyl, usados na doença de Parkinson e em diarreias..

Além de fazer a alimentação para refluxo gastroesofágico o paciente pode tomar um antiácido uma hora após as refeições e um outro na hora de dormir, para neutralizar o acidez do estômago. 

Links úteis:

Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última data de atualização do site: 17/04/2014 Última data de atualização da página: 05/03/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.