Desenvolvimento do bebê - 6 semanas de gestação

publicidade

O desenvolvimento do feto com 6 semanas de gestação, que são 1 mês e meio de gravidez, é marcado pelo desenvolvimento do sistema nervoso central, que agora apresenta a abertura sobre o cérebro e da base da coluna devidamente fechadas.

Com 6 semanas de gestação é possível que a mulher apresente os primeiros sintomas de gravidez que podem ser mamas tensas, cansaço, cólica, muito sono e algum enjôo pela manhã, mas se ainda não descobriu que está grávida, estes sinais e sintomas podem passar desapercebido, no entanto, se já notou que a menstruação está atrasada, um teste de gravidez é aconselhado.

Se a mulher apresentar muita cólica ou intensa dor pélvica mais de um dos lados do corpo, deverá entrar em contato com o médico para que ele solicite um ultrassom, para verificar se o embrião está dentro do útero ou se é uma gravidez ectópica, que neste caso deverá ser abortada. 

Com 6 semanas de gestação nem sempre da para ver o embrião, mas isto não significa necessariamente que não está grávida, pode ser que esteja com menos semanas, e ele ainda seja muito pequeno para ser visto num exame de imagem.

Desenvolvimento do feto com 6 semanas de gestação

Durante o desenvolvimento do feto com 6 semanas de gestação pode-se observar que apesar do embrião ser muito pequeno, se desenvolve muito rápido. O ritmo cardíaco é mais facilmente observado num ultrassom, mas a circulação sanguínea é muito básica, com o tubo que forma o coração enviando sangue para o comprimento do corpo.

Os pulmões vão demorar quase toda a gravidez para estarem devidamente formados, mas nesta semana, começa este desenvolvimento. Um pequeno rebento de pulmão surge dentre o esôfago e a boca do bebê, formando a traqueia que se divide em duas ramificações que vão formar os pulmão direito e esquerdo

Tamanho do feto com 6 semanas de gestação

O tamanho do feto com 6 semanas de gestação é de aproximadamente 4 milímetros.

Fotos do feto com 6 semanas de gestação

Alterações na mulher com 6 semanas de gestação

Em relação à mulher com 6 semanas de gestação, esta ainda não deverá apresentar o crescimento da barriga, mas a vontade de urinar pode ser mais frequente e isto ocorre porque o sangue está sendo bombeado em maior quantidade, e ao ser filtrado nos rins, produz mais urina. À medida que o útero cresce, pressiona a bexiga, que não consegue se expandir como antes e a sensação de estar com a bexiga cheia acontece mais cedo. Se sentir dor ou ardência ao urinar, fale com o médico pois pode ser uma infecção urinária, que deve ser tratada com o uso de medicamentos.

Se ainda não está tomando ácido fólico, é bom começar a tomar pois ele é essencial para o desenvolvimento do sistema nervoso do bebê. O médico obstetra poderá receitar somente o ácido fólico ou uma combinação de ácido fólico com ferro para prevenir a anemia na gravidez, que é muito comum. 

Em relação a alimentação é importante aumentar o consumo de alimentos ricos em ácido fólico como feijão, laranja, lentilhas e espinafre, e de alimentos ricos em ferro para melhorar a produção sanguínea, diminuindo o cansaço e o risco de anemia. Alguns exemplos de alimentos ricos em ferro são as carnes, em geral.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 02/09/2014 Última atualização da página: 07/12/2013
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.