Como fazer um clister em casa

PUBLICIDADE

Para fazer um clister de limpeza em casa é necessário comprar um kit de enema na farmácia, pelo preço médio de 60 reais, e seguir os seguintes passos:

  1. Montar o kit de enema ligando o tubo ao depósito de água e à ponta de plástico;
  2. Encher o depósito do kit de enema com 1 litro de água destilada a 37ºC;
  3. Abrir a torneira do kit de clister e deixar escorrer um pouco de água até que todo o tubo esteja preenchido por água;
  4. Pendurar o depósito de água, pelo menos, a 90 cm do chão;
  5. Lubrificar a ponta de plástico com vaselina ou azeite de oliva;
  6. Adotar uma destas posições: deitado de lado com os joelhos dobrados ou deitado de barriga para cima com os joelhos dobrados em direção ao peito;
  7. Introduzir suavemente a ponta no ânus em direção ao umbigo, não forçando a inserção para não causar ferimento;
  8. Abrir a torneira do kit para permitir a entrada de água no intestino;
  9. Manter a posição e esperar até sentir forte vontade de evacuar, geralmente entre 2 a 5 minutos;
  10. Repetir o clister de limpeza 3 a 4 vezes para limpar completamente o intestino.

Nos casos em que o paciente não consegue evacuar com o clister de água morna, uma boa solução é misturar 1 copo de azeite na água do clister. No entanto, a eficácia é maior quando se utilizam 1 ou 2 enemas de farmácia, como Fleet Enema ou Microlax, misturados na água. Veja um exemplo em: Fleet Enema.

Porém, se após misturar um enema de farmácia na água do clister o paciente ainda não apresentar vontade para evacuar é recomendado consultar um gastroenterologista para diagnosticar o problema e iniciar o tratamento adequado.

Quando se deve fazer o clister de limpeza

O clister de limpeza pode ser utilizado quando se sofre de prisão de ventre, para estimular o funcionamento do intestino, ou quando existe indicação médica.

No entanto, o clister não deve ser feito mais do que 1 vez por semana, pois pode causar alterações na flora intestinal e provocar alteração do trânsito intestinal, piorando a prisão de ventre ou levando ao surgimento de diarreia crônica, por exemplo.

Quando ir no médico

É recomendado consultar um gastrenterologista ou ir ao pronto-socorro quando:

  • Não existe eliminação de fezes há mais de 1 semana;
  • Após misturar um enema de farmácia na água ainda não surge vontade para evacuar;
  • Surgem sinais de prisão de ventre grave, como barriga muito inchada ou dor abdominal forte.

Nestes casos, o médico irá fazer exames de diagnóstico, como ressonância magnética, para avaliar se existe algum problema que possa estar causando a prisão de ventre constante, como torção do intestino, hérnias ou tumores, por exemplo.

Veja outras formas simples para limpar o intestino em:

PUBLICIDADE