Cisto no Ovário

publicidade

O cisto no ovário, ou cisto ovariano, é uma bolsa cheia de líquido que se forma dentro ou ao redor do ovário. Ele pode ser benigno ou maligno, frequentemente é assintomático, mas podem necessitar de tratamento cirúrgico para sua remoção.

As causas dos cistos nos ovários não são totalmente esclarecidas mas eles podem estar relacionados a alterações hormonais.

Ter um cisto no ovário geralmente não é grave, e esta é uma situação relativamente comum, estando presente em muitas mulheres dos 15 aos 35 anos de idade.

Cisto no ovário e gravidez

O cisto no ovário não causa infertilidade, mas a mulher pode ter dificuldade em engravidar devido às alterações hormonais e ele aumenta o risco de gravidez ectópica. Com o tratamento os cistos tendem a diminuir ou desaparecer fazendo com que a mulher retorne ao seu ritmo hormonal normal e facilitando a fertilização. 

No caso do cisto ovariano ser detetado nos primeiros 3 meses de gestação, a mulher deve tomar alguns cuidados pois pode trazer algum risco à gravidez, devendo ser acompanhada pelo seu obstetra. 

Tipos de cistos no ovário

Os tipos de cistos no ovário são:

  • Cisto folicular: Cisto ovariano que se forma quando não há ovulação ou quando o óvulo não sai do ovário durante o período fértil. Geralmente não apresentam sintomas e não necessita de tratamento;
  • Cisto de corpo lúteo: Cisto ovariano que se forma após a liberação do óvulo, transformando-se no corpo lúteo. Se a mulher não engravida, ele regride desaparecendo sem tratamento;
  • Cisto hemorrágico: Cisto ovariano que ocorre quando há sangramento da parede do cisto para o seu próprio interior. Pode causar dor pélvica no lado do ovário afetado e nem sempre precisa de tratamento;
  • Cisto dermóide: Cisto ovariano também chamado de teratoma cístico maduro, que em alguns casos necessita de tratamento através da laparoscopia;
  • Endometrioma ovariano: Também chamado de cisto endermóide, é aquele que é formado quando o endométrio cresce nos ovários, pode ser tratado com o uso de medicamentos ou de cirurgia;
  • Ovários policísticos: Caracterizado pelo presença de vários cistos ovarianos presentes na parede externa do ovário, que pode gerar sintomas como atraso menstrual, e que pode causar infertilidade;
  • Cistoadenoma: Cisto ovariano benigno, que deve ser retirado através de laparoscopia.

Sintomas de cisto no ovário

Geralmente os cistos nos ovários não causam nenhum sintoma, mas podem causar problemas como ruptura, sangramento, torção ou dor, e neste caso os sintomas podem ser:

  • Dor na região pélvica;
  • Dor durante as relações;
  • Atraso da menstruação;
  • Aumento da sensibilidade nas mamas;
  • Sangramento vaginal fora do período menstrual;
  • Aumento de peso;
  • Enjoos e vômitos;
  • Cansaço fácil e
  • Dificuldade para engravidar.

O diagnóstico do cisto no ovário pode ser feito através de exames como palpação da região pélvica, ultra-sonografia transvaginal, tomografia computadorizada e ressonância magnética. 

Após a identificação do cisto no ovário o médico ginecologista também poderá solicitar exames de sangue como o CA 125 para verificar se o cisto está relacionado ao câncer de ovário.

Tratamento para cisto no ovário

O tratamento para cisto no ovário varia conforme o tipo de cisto que a mulher possui visto que muitos desaparecerão espontaneamente. Em alguns casos o ginecologista poderá realizar uma cirurgia para retirada dos cistos por meio da laparoscopia.

Na maior parte das vezes o cisto no ovário não pode virar um câncer, mas o ginecologista poderá esclarecer qualquer dúvida numa consulta.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 29/08/2014 Última atualização da página: 19/05/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.