Cirurgia para túnel do carpo

publicidade

A cirurgia para túnel do carpo consiste em fazer um corte entre a palma da mão e o punho para liberar o nervo que está a ser pressionado e a causar sintomas como formigamento ou sensação de picada na mão e nos dedos.

A cirurgia de descompressão do túnel do carpo geralmente é recomendada nos casos em que os remédios e as sessões de fisioterapia apresentaram pouca ou nenhuma melhora e nos casos onde há uma grande compressão do nervo.

A cirurgia é feita por um ortopedista, é relativamente simples e, na maioria dos casos, fornece uma cura completa e permanente. Porém, como acontece com qualquer tipo de cirurgia há sempre um pequeno risco de complicações como lesão do nervo ou infecção.

Como é feita a cirurgia para túnel do carpo

A cirurgia para túnel do carpo consiste em fazer uma pequena abertura entre a palma da mão e o punho para cortar o ligamento que pressiona o nervo, para aliviar a pressão sobre ele. A cirurgia pode ser feita com duas técnicas diferentes:

  • Técnica tradicional: o cirurgião faz um corte grande na palma da mão sobre o túnel do carpo e corta o ligamento para liberar o nervo;
  • Técnica de laparoscopia: o cirurgião usa um dispositivo com uma pequena câmera ligada para ver o interior do túnel do carpo e corta o ligamento através de um ou dois pequenos cortes na mão ou no pulso.

A anestesia para a cirurgia do túnel do carpo pode ser feita na mão, perto do ombro ou o cirurgião pode optar pela anestesia geral. No entanto, qualquer que seja a anestesia, o paciente não sente nada durante a cirurgia.

Riscos da cirurgia para túnel do carpo

A cirurgia para túnel do carpo, assim como todas as cirurgias, apresenta alguns riscos como infecção, hemorragia, lesão do nervo e dor persistente no pulso ou no braço.

Além disso, após a cirurgia para descompressão do túnel do carpo, os sintomas como formigamento e sensação de agulhas na mão podem voltar.

Recuperação após cirurgia para túnel do carpo

O tempo de recuperação após a cirurgia para túnel do carpo depende do tipo de técnica utilizada, sendo que o tempo de recuperação para a cirurgia tradicional é geralmente um pouco mais longo que o tempo de recuperação para a cirurgia laparoscópica.

No entanto, independente da técnica utilizada, no pós-operatório da cirurgia para túnel do carpo o paciente deve:

  • Ficar em repouso;
  • Usar uma tala para imobilizar o punho para evitar danos causados pela movimentação da articulação;
  • Manter a mão operada levantada por 48 horas para ajudar a reduzir qualquer inchaço e rigidez nos dedos.

Depois da cirurgia, o paciente pode sentir dor ou fraqueza que pode levar algumas semanas a meses a passar e médico indica quando o paciente pode usar a mão para fazer atividades leves que não causam dor ou desconforto e quando pode regressar ao trabalho.

Além disso, após a cirurgia, o médico poderá indicar algumas sessões de fisioterapia para o túnel do carpo e exercícios para evitar que as cicatrizes da cirurgia fiquem aderidas e impeçam a livre movimentação do nervo afetado. Veja alguns exemplos de exercícios em: Tratamento para síndrome do túnel do carpo.

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade