Ciproeptadina

PUBLICIDADE

Bula de Ciproeptadina

Ciproeptadina é um medicamento anti-alérgico que é usado para diminuir os sintomas de uma reação alérgica, como nariz pingando e lacreamento, por exemplo. No entanto, também pode ser usado como estimulador do apetite, aumentando a vontade de comer. 

Esse medicamento de uso oral sob a forma de comprimidos ou xarope, só deve ser usado por indicação médica, podendo ser comprada em farmácias convencionais, com os nomes comerciais Cobavital ou Apevitin, por exemplo. 

Preço da Ciproeptadina

A Ciproeptadina custa em média 15 reais, podendo variar com a região e a forma do medicamento. 

Indicações da Ciproeptadina

A ciproeptadina é usada para aliviar os sintomas de alergia causados pela rinite alérgica ou conjuntivite alérgica associada a um resfriado comum e conceira e bolinhas vermelhas na pele. 

Além disso, também pode ser usado como estimulante do apetite, para aumentar o peso. 

Modo de uso da Ciproeptadina

Ciproeptadina deve ser tomado oralmente com alimentos, leite ou água, para diminuir a irritação do estômago, normalmente à noite.

Normalmente, o médico indica para os adultos 4 mg a cada 6 a 8 horas, conforme a necessidade, cerca de 3 a 4 vezes ao dia, sendo a dose máxima até 0,5mg de peso por dia; 

Em crianças, o médico recomenda as doses segundo a idade da criança, sendo que:

  • entre os 7 a 14 anos: administrar 4 mg de Ciproeptadina, 2 ou 3 vezes por dia. A dose máxima é de 16 mg por dia.
  • entre os 2 a 6 anos: administrar 2 mg de Ciproeptadina, 2 ou 3 vezes por dia. A dose máxima é de 12 mg por dia.

Efeitos Colaterais da Ciproeptadina

Em idosos é mais comum que o paciente desenvolva sonolência, enjoos e secura na boca, nariz ou garganta. No entanto, nas crianças podem ocorrer pesadelos, excitação não-habitual, nervosismo e irritabilidade.

Contraindicações da Ciproeptadina

Ciproeptadina está contraindicado em pacientes com glaucoma, risco de retenção urinária, pacientes com úlcera de estômago, hipertrofia prostática, obstrução da bexiga, crises de asma e quando se tem hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula. 

Além disso, não deve ser usado por mulheres gravidas, a amamentar e em pacientes que tomaram IMAO nos 14 dias anteriores ao início do tratamento com este produto. 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE