Catapora

publicidade

A catapora, também chamada de varicela, é uma doença causada pelo vírus Varicela Zóster, altamente contagiosa, que manifesta-se através de pintinhas vermelhas pelo corpo e intensa coceira. Seu tratamento é feito de forma a controlar os sintomas.

A catapora afeta, especialmente, crianças, mas pode afetar indivíduos de todas as idades, sendo neste caso, mais grave.

Sintomas da catapora

Os sintomas iniciais da catapora geralmente são:

  • Febre;
  • Dor de barriga;
  • Falta de apetite e
  • Dor de cabeça.

Após 2 dias surgem mal-estar e as bolhas da catapora.

  • Inicialmente, surgem 2 ou 3 bolhas arredondadas e avermelhas na parte lateral do tronco e nas costas, contendo líquido em seu interior;
  • A seguir, as bolhas espalham-se por todo o corpo e a coceira aumenta.

O médico deverá chegar ao diagnóstico da catapora somente ao observar o indivíduo. A catapora dura cerca de 10 dias e durante este período não é recomendado ir a escola ou ao trabalho para evitar a transmissão da doença.

Fotos da catapora

Fonte: Centers for Disease Control and Prevention

Tratamento para catapora

O tratamento da catapora, geralmente, é feito de forma a controlar os sintomas. O médico poderá indicar os seguintes cuidados:

  • Tomar Paracetamol para baixar a febre;
  • Usar uma pomada antialérgica, como Polaramine, nas feridas para aliviar a coceira;
  • Aplicar Povidine nas bolhas para evitar que infeccionem e facilitar a cicatrização das bolhas;
  • Tomar 2 ou 3 banhos por dia com água fria e um sabonete com calamina, que acalmar a coceira;
  • Cortar as unhas bem curtas para evitar agravar as lesões na pele;
  • Lavar as mãos 3 vezes ao dia com um sabonete antisséptico, como o Protex, por exemplo;
  • Evitar alimentos salgados e ácidos caso haja feridas dentro da boca.

Alguns médicos recomendam o banho com permanganato de potássio para manter a pele limpa, livre de microrganismos e para ajudar a cicatrizar as feridas da catapora.

Contágio da catapora

O contágio da catapora se dá através do:

  • Contato com gotículas de saliva, tosse ou espirro do indivíduo contaminado;
  • Contato direto com o líquido das feridas.

O indivíduo pode transmitir a catapora para outros em torno de 1 a 2 dias antes da erupção até que todas as bolhas já estejam com crosta. Neste período deve-se manter a distância dos outros e não frequentar escolas, local de trabalho ou shoppings, cinemas ou igrejas, por exemplo.

Quem já teve catapora uma vez está protegido contra a doença e não pode pegar catapora novamente. No entanto, em alguns casos o contato com um indivíduo com catapora pode levar ao desenvolvimento da herpes zóster se o indivíduo estiver com o sistema imune comprometido, como ocorre na AIDS e no tratamentos do câncer, por exemplo.

Complicações da catapora

A complicação mais comum da catapora é uma das bolhas infeccionar, causando dor, inchaço e vermelhidão ao redor da ferida, como mostra a última imagem.

Pode-se suspeitar de uma das bolhas da catapora estar infeccionada quando ela demora muito tempo para cicatrizar, fica com um aspecto molhado quando já está sem a "casquinha" e a região ao seu redor fica inchada, vermelha e endurecida. Neste caso, o médico pode indicar a ingestão de um antibiótico, como Amoxicilina por 8 dias.

Geralmente, esta complicação ocorre quando a criança tira a casquinha e o local não é devidamente limpo. Outras possíveis complicações da catapora são:

  • Encefalite;
  • Pneumonia;
  • Síndrome de Reye;
  • Miocardite;
  • Artrite transitória;
  • Ataxia cerebelar.

Estas complicações podem surgir quando o indivíduo coça a pele ou quando desenvolve a forma mais grave da doença, possui um sistema imune comprometido e não foi tratado com antivirais quando necessário.

Vacina contra catapora

A vacina contra catapora atenua o vírus e previne contra a forma mais grave da doença. Assim, se o indivíduo for vacinado e pegar a catapora, ele irá desenvolver uma forma muito leve da doença, apresentando até menos bolhas típicas da catapora, que por vezes nem chega a ser diagnosticada.

A vacina pode ser administrada a partir de 1 ano de idade para todos com boa saúde e que ainda não tenham sido contaminados com o vírus.

A vacina da catapora não é obrigatória e não faz parte do calendário básico de vacinação das crianças.

Links úteis:

publicidade
Dicas por Email

Dicas Grátis de Saúde, Nutrição, Emagrecimento e muito mais.

publicidade

Atenção: O Tua Saúde é um espaço informativo, de divulgação e educação sobre de temas relacionados com saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde.

Última atualização do site: 24/10/2014 Última atualização da página: 15/07/2014
© 2007 - 2014 Tua Saúde - Todos os direitos reservados.