Conheça os principais sintomas e saiba como tratar o câncer de mama

PUBLICIDADE

O câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve nas células do tecido mamário, que as vezes dói, e pode atingir tanto homens quanto mulheres, porém é mais comum na mulher.

Geralmente, este câncer, quando é diagnosticado e tratado precocemente tem maior chance de cura e, por isso, é importante fazer o autoexame da mama 1 vez por mês. 

Sintomas do câncer de mama

Os principais sintomas de câncer de mama são:

PUBLICIDADE
  • Aparecimento de um nódulo duro na mama ou próximo da axila, que pode ser percebido através do toque e do auto-exame da mama;
  • Saída de liquido pelo mamilo quando pressionado podendo ser sangue;
  • Tamanho ou formato diferente das mamas, que antes não existia;
  • Ter a mama inchada, vermelha e quente e que causa coceira;
  • Ferida na mama que não cicatriza e tem mau cheiro.

Normalmente, durante a fase inicial da doença, o câncer de mama não produz nenhum sintoma, por isso, é importante que a mulher esteja atenta a qualquer alteração nas mamas e, caso suspeite de algo, deve ir imediatamente ao mastologista para fazer o diagnóstico. Veja mais detalhes sobre os sinais de câncer em: 12 sintomas do câncer de mama.

Fatores de risco para o câncer de mama

Alguns dos fatores que aumentam o risco para desenvolver o câncer de mama são:

  • Ter mais de 60 anos;
  • Já ter tido um câncer de mama anteriormente;
  • Ter alguém na família com câncer de mama, como mãe, irmã ou filha;
  • Ter entrado na menopausa depois dos 55 anos.

No entanto, qualquer mulher pode ter este tipo de câncer. Para saber mais detalhes sobre cada um dos fatores leia: Saiba quem tem mais risco de ter câncer de mama

Tipos de câncer de mama

Existem vários tipos diferentes de câncer de mama, sendo alguns mais agressivos do que outros, sendo que:

  • Carcinoma ductal in situ - conhecido por CDIS;
  • Carcinoma lobular in situ - conhecido por CLIS;
  • Carcinoma ductal invasivo conhecido por CDI, que é cerca de 80% dos cânceres da mama invasores ou invasivos;
  • Carcinoma lobular invasivo conhecido por CLI;
  • Carcinoma inflamatório da mama é um câncer agressivo, mas muito raro.

Além destes tipos de câncer de mama, também existem outros que são ainda mais raros, como o carcinoma medular, o carcinoma mucinoso, carcinoma tubular e o tumor filoide maligno.

Como identificar o câncer de mama

O primeiro passo para identificar o câncer de mama é realizar o auto exame da mama mensalmente para identificar precocemente alguma alteração na mama.

Se durante a palpação da mama, a mulher notar a presença de alterações como nódulos, deve-se ir no médico para indicar a realização de uma mamografia. Veja passo a passo para fazer o exame da mama casa em: Como fazer o autoexame da mama.

Um outro exame capaz de identificar o câncer de mama é o VIAS, conhecido por Ventana Image Analisys System, que consegue verificar se o tumor é maligno ou benigno sem a necessidade de realizar uma biópsia, porém são poucas as clínicas que fazem o exame no Brasil e, por isso, o médico indica a realização de exame de sangue e biópsia. Saiba como é feito cada exame em: Exames que confirmam o câncer de mama.

Tratamento para câncer de mama

O tratamento para câncer de mama depende varia com a gravidade do câncer e, por isso, o médico oncologista poderá optar por um ou pela combinação de vários tratamentos.

Geralmente, a radioterapia e a quimioterapia são utilizadas mas em muitos casos é recomendada uma cirurgia para retirada da mama. Para saber como é o pós-operatório da cirurgia leia: Veja como é a recuperação em: Como é a recuperação após retirada da mama

Prevenção do câncer de mama

A prevenção do câncer de mama pode ser feito através de um estilo de vida saudável através de uma boa alimentação e prática regular de exercício físico.

Por isso, aconselha-se que todas as mulheres realizem o auto exame da mama e a mamografia principalmente a partir dos 40 anos de idade.

Câncer de mama no homem

O câncer de mama também pode surgir no homem, embora seja muito raro, sendo que os sintomas são semelhantes ao câncer de mama nas mulheres e há maiores chances de cura, quando é descoberto precocemente.

Existem vários tipos de câncer da mama, como carcinoma ductal in situ ou carcinoma ductal invasivo por exemplo e, normalmente o tratamento inclui quimioterapia, radioterapia ou mesmo cirurgia para remover o tumor. Veja como o tratamento é feito em: Câncer de mama masculino.

PUBLICIDADE