Alimentos ricos em vitamina B1

PUBLICIDADE

Os alimentos ricos em vitamina B1, tiamina, como flocos de aveia, sementes de girassol ou levedura de cerveja por exemplo, ajudam a melhorar o metabolismo dos carboidratos e a regulação do gasto de energia.

Além disso, consumir alimentos ricos em vitamina B1 pode ser uma forma de evitar ser picado por mosquitos, como o mosquito da dengue, do zika vírus ou da febre de chikungunya, por exemplo, pois esta vitamina devido à presença de enxofre forma compostos sulfúricos que liberam cheiro desagradável através do suor, sendo um excelente repelente natural. Saiba mais em: Repelente natural.

Lista de alimentos ricos em vitamina B1

A vitamina B1 ou tiamina ​não é armazenada em grande quantidade no organismo, por isso, é necessário obter esta vitamina através da ingestão diária de alimentos ricos em vitamina B1, como:

AlimentosQuantidade de vitamina B1 em 100 gEnergia em 100 g
Levedura de cerveja em pó14,5 mg345 calorias
Gérmen de trigo2 mg366 calorias
Sementes de girassol2 mg584 calorias
Presunto defumado cru1,1 mg363 calorias
Castanha do pará1 mg699 calorias
Castanha de caju torrada1 mg609 calorias
Ovomaltine1 mg545 calorias
Amendoim0,86 mg577 calorias
Lombo de porco cozido0,75 mg389 calorias
Farinha de trigo integral0,66 mg355 calorias
Carne de porco assada0,56 mg393 calorias
Flocos de cereais0, 45 mg385 calorias

O gérmen de cevada e o gérmen de trigo também são excelentes fontes de vitamina B1.

A dose diária recomendada de vitamina B1 em homens a partir dos 14 anos é de 1,2 mg/dia, enquanto que em mulheres, a partir dos 19 anos, a dose recomendada é de 1,1 mg/dia. Na gravidez, a dose recomendada é de 1,4 mg/dia, enquanto que em jovens, a dose varia entre 0,9 e 1 mg/dia.

Para que serve a vitamina B1

A vitamina B1 serve para regular os gastos de energia pelo organismo, estimular o apetite e é responsável pelo correto metabolismo dos carboidratos.

A ​vitamina B1 não engorda porque não tem calorias, mas como ajuda a estimular o apetite, quando é feita uma suplementação nesta vitamina, ela pode levar ao aumento da ingestão de alimentos e ter como consequência o aumento do peso.

Sintomas da falta de vitamina B1

A falta de viamina B1 no organismo pode provocar sintomas como cansaço, perda de apetite, irritabilidade, formigamento, prisão de ventre ou inchaço, por exemplo.

Além disso, a falta de tiamina pode levar ao desenvolvimento de doenças do sistema nervoso como Beribéri, que se caracteriza por problemas na sensibilidade, diminuição da força muscular, paralisias ou insuficiência cardíaca, assim como, a síndrome de Wernicke-Korsakoff, que se caracteriza por depressão, problemas de memória e demência.

A suplementação com tiamina deve ser aconselhada por um profissional de saúde como o nutricionista por exemplo, porém a toma excessiva de Vitamina B1, é eliminada do organismo por ser uma vitamina hidrossolúvel, não sendo por isso tóxica se tomada em excesso.

Veja também:

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE